Vinicius de Lima Neves: Conheça o Backdoor e seus perigos

Autor(a):

Vinicius de Lima neves fala um pouco mais sobre o que é um backdoor e quais os seus perigos na internet.

No mundo da segurança cibernética, um backdoor refere-se a qualquer método pelo qual usuários autorizados e não autorizados são capazes de contornar as medidas normais de segurança e obter acesso de usuário de alto nível (também conhecido como acesso root ) em um sistema de computador, rede ou aplicativo de software. 

Uma vez dentro, os cibercriminosos podem usar um backdoor para roubar dados pessoais e financeiros, instalar malware adicional e sequestrar dispositivos.

Mas os backdoors não são apenas para bandidos. Backdoors também podem ser instalados por fabricantes de software ou hardware como um meio deliberado de obter acesso à sua tecnologia após o fato. 

Backdoors da variedade não criminosa são úteis para ajudar os clientes que estão irremediavelmente bloqueados de seus dispositivos ou para solucionar problemas de software.

Ao contrário de outras ameaças cibernéticas que se tornam conhecidas pelo usuário, os backdoors são conhecidos por serem discretos. 

Os backdoors existem para um grupo seleto de pessoas com conhecimento para obter acesso fácil a um sistema ou aplicativo.

Vinicius de Lima Neves: Os backdoors sempre estiveram presentes na internet

Hoje em dia já é possível depararmos com backdoors mais modernos, capazes de fazerem um acesso de forma muito rápida.

O malware de backdoor é geralmente classificado como um Trojan . Um Trojan é um programa de computador malicioso que finge ser algo que não é com a finalidade de entregar malware, roubar dados ou abrir um backdoor em seu sistema. 

Muito parecido com o cavalo de Tróia da literatura grega antiga, os cavalos de Tróia de computador sempre contêm uma surpresa desagradável.

Os cavalos de Troia são instrumentos incrivelmente versáteis dentro da “maleta de ferramentas” dos cibercriminosos.

Eles vêm sob muitos disfarces, como um anexo de e-mail ou download de arquivo, e entregam qualquer número de ameaças de malware.

Embora backdoors e exploits pareçam terrivelmente semelhantes à primeira vista, eles não são a mesma coisa.

Exploits são vulnerabilidades acidentais de software usadas para obter acesso ao seu computador e, potencialmente, implantar algum tipo de malware. 

Em outras palavras, exploits são apenas bugs de software que pesquisadores ou cibercriminosos encontraram uma maneira de tirar proveito. 

Os backdoors, por outro lado, são deliberadamente colocados em prática por fabricantes ou cibercriminosos para entrar e sair de um sistema à vontade.

Sobre o autor

Vinicius de Lima Neves se trata de um jovem empresário especialista no ramo de tecnologias. Por muitos anos Vinicius vem se dedicando na criação de conteúdos relevantes para os usuários na internet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.